124 -Desmistificando a radiação

Uma mosca que ataca frutas foi identificada na República Dominicana e causou um prejuízo de 40 milhões de dólares ao país em 2015, devido à queda na exportação. Para resolver o problema, IAEA (International Atomic Energy Agency) e FAO (Food and Agriculture Organization of United Nations), aplicaram um método de esterilização das moscas com raios gamas, de forma que quando soltos na natureza, ao se acasalarem com moscas selvagens não haverá descendência dos insetos, diminuindo o número de sua população. Abaixo o vídeo explicativo e a matéria do site da IAEA. Bons estudos!

https://www.iaea.org/newscenter/news/dominican-republic-uses-nuclear-technology-to-win-the-war-against-fruit-flies

123 -Gail Reed: Onde treinar os médicos do mundo? Cuba.

O vídeo a seguir apresenta uma palestra no TED Talks da jornalista americana Gail Reed. Ela traz muitas informações que ilustram o motivo da Escola de Medicina Cubana ser uma escola especial. Os médicos formados em Cuba possuem uma formação humanística. Conscientes da importância social de sua profissão. Querem retornar para suas comunidades para ajudar as pessoas que mais necessitam. “Aprendizagem com base na comunidade. ”
A escola promove a interação entre a diversidade de estudantes de todo canto do mundo. E ainda propõe um pré curso, baseado em ciências e idiomas, para que os estudantes consigam progredir no curso.
Em São Paulo, o curso de Medicina está muito atrelado ao status social como também é um curso de difícil acesso. Vestibulares para Faculdades públicas são extremamente concorridos sendo que desta situação se beneficiam aqueles com o privilégio de estudar durante anos em um curso pré-vestibular. As faculdades particulares possuem mensalidades altas, em alguns cursos chegam a 7 vezes o salário mínimo, impossibilitando a vontade de se tornar um médico.
O que poderíamos aprender com a medicina cubana?